quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Comunicações Filosóficas - 19/10/2013


Palestra: Por que os historiadores detestam a filosofia? 
palestrante: professor Vicente Gil da Silva

O professor Vicente, nos adianta o que teremos em sua palestra nas Comunicações Filosóficas. Acreditamos que esse assunto será aberto a debate, porque conteúdo e ponto de vista terão vários na sala ambiente.

A atividade "Por que os historiadores detestam a filosofia?" tem por objetivo colocar em debate o visível mal-estar demonstrado  por boa parte dos historiadores com relação à filosofia. Esta crescente postura de ceticismo frente à especulação filosófica tem início na transição do século XIX para o XX, quando a história passa a ser vista como um ramo particular do conhecimento humano distinto de outras áreas do saber, buscando afirmar a sua identidade enquanto uma "nova" ciência. Esta tendência afirmou-se especialmente a partir da consolidação da chamada Escola dos Annales, surgida na França no início do século XX, que praticamente monopolizou naquele país - mas não só - a produção historiográfica. Em função da enorme influência que a Escola dos Annales exerceu sobre a historiografia de seu tempo - influência que se estende aos dias atuais -  o conhecimento produzido pela filosofia passou a ser visto pelos historiadores, no limite, como uma reflexão que nega a história. 
Diante disso, o debate terá como foco apresentar os motivos que levam os historiadores a adotarem esta postura, a partir dos argumentos presentes nas obras de alguns dos historiadores mais importantes ligados à tradição francesa dos Annales".